in ,

GeekyGeeky LOLLOL WINWIN

Assista ao bate-papo sobre como desenvolver a escrita literária com crianças e adolescentes

Iniciativa do Café Literário, da Editora Moderna, foi transmitida ao vivo por canais de comunicação digitais

Durante aproximadamente uma hora, mediadora e convidados(as) da Editora Moderna conversam sobre formas de desenvolver a escrita literária entre estudantes. O papo foi transmitido ao vivo pelas redes sociais da editora. Ao longo da vida escolar, crianças e adolescentes se deparam com diferentes gêneros de escrita: bilhete, carta, comentário, crítica, resenha, texto descritivo, texto argumentativo, conto, poesia, poema, crônica entre outros. Em oficinas de educomunicação que conectam questões sociais com criação literária, por exemplo, as dicas e debates existentes no vídeo podem ser bastante inspiradoras!

 

 

O episódio acima tem como mediadora, Denise Viotto, curadora literária n’A Taba), e traz outros(as) dois convidados(as): Ilan Brenman – escritor de literatura infantil, Mestre e Doutor em Educação – e Rosângela Veliago – assessora pedagógica em escolas públicas e privadas de São Paulo (SP). Eva Furnari era pra ser uma das participantes da conversa, mas não pôde comparecer.

 

Um dos principais pontos da conversa foi a importância de atualizarmos as formas de abordar os processos de produção/ criação literária. Ao invés de explicar tecnicamente sobre como é a estrutura de construção textual, muitas vezes, é melhor que o incentivo à escrita flua a partir daquilo que o(a) adolescente quer registrar no papel, de forma mais livre e intuitiva. Durante a redação, ele(a) pode se deparar com diferentes desafios, como construir a personalidade do(a) protagonista, desenvolver o enredo de forma mais criativa, ordenar os acontecimentos para que a história gere mais interesse no(a) leitor(a) etc. E são nessas oportunidades que o(a) educador(a) pode aproveitar pra ajudá-lo(a) a desenvolver melhor a escrita literária.

 

Planejamento do texto, revisão e aprofundamento do estudante no universo que ele está retratando no processo de escrita também foram assuntos abordados, que não deixaram de fora a ponderação sobre os desafios existentes nas diferentes realidades sociais, econômicas e culturais brasileiras.

 

O vídeo marca o início da segunda temporada do projeto “Café Literário”. Em 2018, a iniciativa teve 11 episódios, que trataram de temas como a Declaração Universal dos Direitos Humanos, Filosofia para Crianças, História e Cultura Africana e Afrobrasileira, além da Importância da informação e do diálogo na escola.

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Written by Universo Educom

Blog criado para promover a educomunicação entre adolescentes, jovens, educadores(as) e pesquisadores(as) interessados(as) no assunto.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Nova edição dos “Cadernos Globo” mergulha nas discussões sobre o ofício de professor(a)

Vídeo da escritora Chimamanda sobre como educar crianças feministas acabou de sair do forno